Você está aqui: Página Inicial > Extensão > Programas > Arte no Campus > O Programa nos Campi

O Programa nos Campi

por Comunicação Social da Reitoria publicado 08/12/2015 14h59, última modificação 30/03/2016 14h16
Veja as ações do Programa nos campi do IFFluminense.
1) Título do Projeto: Turma de escola
Coordenador: Aline Estaneck Rangel Pessanha dos Santos
CampusQuissamã

Resumo: Este projeto consiste na criação de um grupo de agentes culturais atuantes na produção musical e audiovisual (videoclips). O público prioritário são os alunos do Instituto Federal Fluminense, campus Quissamã e das redes de ensino parceiras. O trabalho será integrado e realizado de maneira cooperativa. O centro do projeto é o estímulo às capacidades cognitivas e aos talentos artísticos, potencializando as capacidades comunicacionais, organizativas e de empreendedorismo e, ao mesmo tempo, fortalecendo a identidade sociocultural. Trabalharemos em duas dimensões (individual e coletiva) alicerçados na ajuda mútua e no companheirismo. Na individual, o aluno potencializará suas aptidões e na coletiva potencializará a socialização e o convívio em grupo. A ideia original partiu da necessidade de criarmos espaços de formulação de conhecimentos e de produção artística, iniciando em Quissamã e expandindo para toda a região. Criaremos um circuito estudantil de música entre as escolas parceiras. Acreditamos que a escola deve ser um ambiente agradável, tendo como foco o conhecimento e o bom desenvolvimento do processo de ensino e aprendizagem. Motivaremos os alunos a vivenciarem suas escolas, ampliando suas capacidades perceptivas, subjetivas, criativas, cognitivas e descobrindo na Arte e na Cultura oportunidades de desenvolvimento humano, de trabalho e de emprego.

 

2) Título do Projeto: II MUSIFF
Coordenador: Álvaro de Siqueira Manhães
CampusCampos Centro

Resumo: Neste momento, houve a contratação da empresa terceirizada na execução especializada das fases de gravações. O projeto se encontra na fase de gravações de áudio, com as músicas pré-produzidas e com as gravações iniciadas, haverá a mixagem e masterização deste áudio; haverá a editoração dos fonogramas junto aos órgãos responsáveis; ato contínuo teremos as gravações dos vídeos afim de emoldurar e objetivar a elaboração dos clipes. Uma vez que os clipes estejam prontos a equipe de bolsistas e coordenação dará sequencia divulgando os vídeos prontos pela rede de computadores de forma maciça e, nos vários canais expositores de produtos musicais. E por fim, haverá o lançamento dos Kits prontos (CD e DVD). Após o produto final das gravações daremos início ao que chamo de "virtualização" dos arquivos na rede mundial de computadores, através da internet. Os bolsistas vão se incumbir de espalhar os arquivos em várias frentes de exposição.


3) Título do Projeto: II linguagem musical: uma contribuição artística através das atividades sonoras
Coordenador: Isabela Biancardine Vieira
CampusItaperuna

Resumo: A música e a fala, a movimentação corporal e gestual, são formas de comunicação. Comunicar-se é um processo que envolve troca de informações e ideias, o que, para alguns, pode ser complicado, pois o ser humano possui sentimentos e sensações que muitas vezes são difíceis de serem ditas, expressadas e interpretadas por outra pessoa. Nessa perspectiva surge a música como um meio potencializador e fundamental em uma proposta de ensino, desenvolvendo a atenção, percepção, concentração, memória, discriminação e localização auditivas. Com isso percebe-se que esta é um instrumento capaz de reunir, integrar e incluir pessoas no ambiente em que vivem, além de proporcionar um grande desenvolvimento cognitivo, pessoal e social. E é através desse processo que pretendemos estreitar a comunicação entre o campus Itaperuna e a comunidade prevista, visto que a música não apresenta condições nem limites de idade e seus resultados são responsáveis pela formação de uma nova geração, capaz de sentir e compreender essa arte, tornando-se essencial para um ambiente escolar. Além de todos esses benefícios, essa será uma grande oportunidade de divulgação campus Itaperuna não só no noroeste, mas também no norte fluminense, já que o campus ainda é muito recente nessa região. Para isso serão feitas reciclagens e capacitação dos Bolsistas, escolha de repertório e ensaios para as apresentações em Desfiles Cívicos, Semana do Dia Nacional da Cultura, III Semana Acadêmica – Campus Itaperuna, entre outras e a criação de uma Banda Fanfarra para a integração dos alunos do campus juntamente com alunos da Rede Pública da cidade de Itaperuna. Com todas as ações previstas para esse projeto, espera-se a socialização entre campus Itaperuna e a comunidade, promovendo um diálogo através das atividades musicais. Será essencial a criação de um vínculo, de uma rede de compartilhamento para a troca de experiências e a união do aspecto social existente na educação, com a prática musical. Sem abrir mão de um verdadeiro compromisso educacional, social e artístico, as possibilidades de desenvolvimento deverão ser devidamente exploradas, utilizando-se da música como principal ferramenta de trabalho.


4) Título do Projeto: Samba IFF
Coordenador: Saulo Queiroz Nascimento
CampusCampos Guarus

Resumo: O projeto Samba IFF apresenta-se neste ano com uma nova roupagem, inserindo em seu escopo os bolsistas do projeto de Dança, o Good Dance, que teve bom êxito no ano passado, inclusive com participações especiais nos principais eventos institucionais, dentre eles o SNTC e a Mostra de Extensão. Com essas duas vertentes artísticas integradas - Dança e Música - o projeto Samba IFF pretende trazer novidades e uma bela apresentação artística como foi no ano passado.



5) Título do Projeto: Capoeira: sua musicalidade no grupo CapoeirIFF
Coordenador: Cidllan Silveira Gomes Faial
CampusBom Jesus do Itabapoana

Resumo: Com a proposta de estabelecimento do grupo CapoeirIFF, o presente projeto busca motivar os alunos através da musicalidade da capoeira como ponto de partida para envolvimento dos alunos na discussão e prática da capoeira no campus Bom Jesus, no IFFluminense e no município de Bom Jesus e arredores. Assim sendo, torna-se inevitável os encontros para discussão e prática com aprendizagem dos ritmos, músicas e instrumentais pertinentes à roda capoeira como base para a sua prática e consequentemente o planejamento das apresentações e vivências deste cultura dentro do Instituto e com as instituições parceiras dentro do município e arredores.


6) Título do Projeto: O corpo e o ambiente na visão do grupo de dança Arte em movimento do IFF
Coordenador: Cidllan Silveira Gomes Faial
CampusBom Jesus do Itabapoana

Resumo:  O presente projeto busca, através da dança, levar os alunos ao questionamento sobre o valor desta cultura no campus Bom Jesus, no IFFluminense e no município de Bom Jesus e arredores. Assim sendo, torna-se inevitável os encontros para discussão e prática com vivências corporais pertinentes à dança como base para a sua prática e consequentemente o planejamento das apresentações e troca de experiências sobre a cultura da dança dentro do Instituto e com as instituições parceiras dentro do município e arredores. Para tal, tem como propósito final a criação de um espetáculo coreográfico que possa expressar a visão do grupo ARTE EM MOVIMENTO com relação ao corpo com seu ambiente interno limitado inserido num ambiente externo maior ilimitado, partindo da relação do ser humano consigo mesmo, com seu próximo e enfim com todo o ambiente até o universo.

7) Título do Projeto: Teatro: identidades e tensões sociais
Coordenador: Fernando Gil Portela Vieira
CampusMaricá

Resumo:  A inserção do Instituto Federal Fluminense na realidade local, por meio do diálogo com a comunidade, fundamenta esse projeto, que toma o teatro como portal para a abordagem de questões identitárias, históricas e sociais. Uma das artes fundadoras do patrimônio cultural ocidental, marcada pela criticidade e irreverência, o teatro conserva, de um lado, grande potencial para o exercício de (re)leituras da própria sociedade enquanto, de outro, persiste a imagem de arte restrita, quase inacessível às populações mais carentes. Interagindo com a comunidade interna ao Instituto - servidores e discentes - e a comunidade local - população do município de Maricá -, o projeto objetiva resgatar na memória popular manifestações culturais e os desafios para sua legitimação, levando para o palco as tensões e eventuais conflitos outrora vivenciados. Em coerência com tal perspectiva, o público a que se destina o projeto é amplo, todavia, atenção maior é dada àqueles privados de ofertas de lazer e de espaços de expressão artística e cultural, bastante limitados em Maricá. Contribuição fundamental desse trabalho será participar do processo de envolvimento do Instituto com questões que envolvem demandas da comunidade maricaense, respondendo ao pilar da Extensão. De modo particular, espera-se deixar um legado de envolvimento da comunidade com o teatro e o resgate da memória local sobre o histórico da arte e da cultura no município, forjadas em meio à permanente luta da vida em sociedade.

8) Título do Projeto: Nossa Cultura dá um show!
Coordenador: Amanda Cristina Figueira Bastos de Melo 
CampusSão João da Barra

Resumo:  O projeto tem como objetivo a criação de um grupo cultural composto por alunos do campus para desenvolver apresentações artísticas a partir da cultura local. Esse grupo fará apresentações em outros campis e em locais externos para contribuir com o desenvolvimento cultural e valorização da comunidade na qual estão inseridos.

9) Título do Projeto: Cantando o Brasil
Coordenador: Thamyres Bandoli Tavares Vargas 
CampusSanto Antônio de Pádua

Resumo: O projeto prevê a criação de um Coral, com o objetivo de resgatar a cultura local e difundir a Música Popular Brasileira, prioritariamente, nas escolas públicas da região, nos campi do IFFluminense e no município de Santo Antônio de Pádua. Para isso os membros do coral participarão de aulas de canto, teoria musical, além de estudos sobre a cultura local e debates sobre o contexto histórico das composições que serão apresentadas. A relevância deste projeto mostra-se na medida em que será viabilizado, aos alunos e servidores participantes, a ampliação da percepção artística. Assim, a presente proposta contribuirá, positivamente, na formação da identidade cultural dos mesmos, bem como no desenvolvimento de diversas habilidades, principalmente nos aspectos relacionados às áreas de concentração, raciocínio, dicção, percepção, propriocepção, respeito à relações grupais e sensibilidade auditiva e corporal. 

10) Título do Projeto: Arte e Cultura no Campus Itaperuna: espaço de interrelações
Coordenador: Andressa Peres Teixeira
CampusItaperuna

Resumo: A presente proposta constitui-se de um importantíssimo pacto pela oferta de atividades artísticas-culturais no campus de forma contínua e multifacetada. A coordenação desta proposta fará a articulação entre as atividades extensionistas que já estão em andamento no campus e agregará ao plano de cultura da instituição as atividades previstas neste edital, criando um ambiente propício para a produção e disseminação cultural, tanto para o público externo, como para aquele atendido pelo NEABI e NUGEN. Este projeto ganha especial relevância se se tem em vista a baixa oferta de acesso a bens culturais no município de Itaperuna e a possibilidade de oferecer um contato com o mundo das artes de maneira democrática e gratuita. Além disso, se pensarmos que a experiência sensorial/corporal humana afeta a organização cerebral e o cérebro atua, em uma via de mão-dupla, no corpo, o contato com a dança, música e teatro ganha especial relevância em uma perspectiva cognitiva e educacional. 

11) Título do Projeto: JOGO DA CAPOEIRA OU DANÇA DE RODA
Coordenador: Cidllan Silveira Gomes Faial
CampusBom Jesus

Resumo: O preconceito que resulta em falta de apoio e incentivo para a prática e desenvolvimento de uma cultura nacional nascida de movimentos sociais de resistência à escravatura através da capoeira. Tal situação motiva a batalha contra as barreiras do racismo e preconceito que esta cultura à vagabundagem e falta de oportunidade relacionada ao negro e à população de baixa renda. Um grande passo neste sentido foi ser considerada em 2008 como Patrimônio Cultural Brasileiro, porém ainda resta um grande caminho a ser percorrido até podermos vivenciar este título em toda a sua magnitude. Também como arte e cultura pouco valorizada em nossa região a dança sofre ainda mais por ser associada ao homossexualismo limitando sua prática também entre sexo feminino por falta de incentivos e apoio da sociedade como um todo para sua prática sistematizada. Neste sentido, o presente projeto os dois temas de forma motivadora para os alunos visando contribuir na sua formação de forma mais ampla, além de difundir a dança e a capoeira em nossa região.

12) Título do Projeto: Grupo vocal: o ensino prático do papel da voz inserida num arranjo 
Coordenador: Julio Cesar Barroso Ribeiro  
CampusCampos Centro

Resumo: Este projeto consiste num grupo vocal com 9 integrantes, que cantará na forma de arranjos próprios, músicas do cenário nacional e internacional, passeando por estilos musicais diferentes. No sentido de difundir a cultura, principalmente musical, o grupo vocal fará apresentações para a comunidade externa e interna do Instituto Federal Fluminense, incluindo as escolas públicas principalmente da região. Espera-se que os integrantes desenvolvam suas habilidades musicais para que através da música, possam transmitir todo o conhecimento que adquiriram. 

13) Título do Projeto: Prática Instrumental 
Coordenador: Lenon Araujo de Matos  
CampusCampos Centro

Resumo: O projeto constitui-se numa proposta que visa criar a Banda de Música do IFFluminense campus Cabo Frio. Tem como meta, propiciar a toda comunidade escolar o contato com a música e incentivar a continuidade daqueles que já se iniciaram no meio musical, priorizando o trabalho coletivo, onde a aproximação se dá exatamente pelo lado afetivo através de uma troca onde as diferenças serão consideradas e respeitadas. 

14) Título do Projeto: A orquestra na escola 
Coordenador: Helio da Silva Junior 
CampusCampos Guarus

Resumo: O projeto, se aceito, propõe realizar pesquisa de repertório, preparação de arranjos, ensaios e apresentações de concertos didáticos para alunos do primeiro segmento do ensino fundamental em escolas da redes públicas municipais de Campos dos Goytacazes e municípios adjacentes através de um pequeno grupo orquestral formado por alunos músicos. Dessa maneira, colaborando para implantação da lei 11.769/08 que tornou obrigatório o ensino de música nas escolas e contribuindo para a formação integral dos discentes.