CAMPUS CAMPOS CENTRO

Você está aqui: Página Inicial > Nossos campi > Campos Centro > Notícias > Servidores e bolsistas do Napnee organizam festa natalina para crianças do Renascer

Notícias

Servidores e bolsistas do Napnee organizam festa natalina para crianças do Renascer

Solidariedade

Brinquedos e livros foram entregues no acolhimento em tarde que teve Papai Noel e lanche.
por Comunicação Social do Campus Campos Centro publicado 18/12/2018 22h06, última modificação 19/12/2018 12h40
Show image carousel Carol e as crianças no Renascer.

Carol e as crianças no Renascer.

A ideia partiu da bolsista Carol (Carolina Bechara) e ganhou forte adesão de servidores e demais bolsistas do Núcleo de Apoio a Pessoas com Necessidades Educacionais Especiais (Napnee). Tanto que, os primeiros presentes - livros de histórias e muitas páginas para colorir- foram adquiridos durante a 10ª Bienal do Livro de Campos, realizada em novembro no Campus Campos Centro. 

Para completar, brinquedos foram comprados recentemente. Bolas, bonecas, super-heróis e lembranças. Nessa segunda-feira, 17 de dezembro, acrescentaram-se comes e bebes, para um lanche com a criançada da casa de acolhimento Renascer. Assim como o campus, a unidade municipal de assistência funciona no Parque Dom Bosco, em Campos dos Goytacazes.

O grupo chegou ao Renascer à tarde e fazia calor. "Mas valeu à pena. As crianças adoraram", comenta Carol. Ela fez às vezes de Papai Noel e desembarcou de uma caminhonete com seu saco repleto de presentes. Nem precisa fazer esforço para imaginar como as crianças gostaram. "Muito gratificante poder proporcionar esse momento de alegria. Queremos que esta ação seja constante," comenta a coordenadora do Napnee, Sirley Brandão.

Em quatro anos como bolsista do Núcleo, Carol já participou do carnaval do IFF, promovido pela turma do Napnee em sua sala e nos corredores, dias antes da maior festa popular brasileira. Entretanto, a ação solidária de Natal foi a primeira vez. "Faço geralmente com meus amigos. Ano passado eles foram comigo em um orfanato', conta ela lembrando que quando a ideia de fazer uma festinha de Natal para crianças abrigadas surgiu, "Sirley acatou e todos colaboraram".  

registrado em: , ,