CAMPUS CAMPOS GUARUS

Você está aqui: Página Inicial > Nossos campi > Campos Guarus > Pesquisa

Projetos de Pesquisa

por Ascom Campos Guarus publicado 08/12/2015 15h43, última modificação 14/12/2015 17h16
Conheça os projetos de pesquisa do campus Guarus
  1. BIODIGESTORES: UMA OPÇÃO EFICAZ E BARATA PARA SE OBTER O BIOGÁS COMO ENERGIA ATRAVÉS DE RESÍDUOS ORGÂNICOS

Coordenador: Brício Marcelino da Silva

Resumo: A tecnologia envolvida nos biodigestores não é nova, porém é necessária uma adequação regional para o seu bom funcionamento. Os biodigestores são capazes de reduzir em até 70% a matéria orgânica e por isso são acoplados a biofiltros que aumentam sua capacidade na remoção de carga orgânica, podendo chegar a 90% de eficiência. Além disso, produzem biogás, mistura de metano e carbono que pode ser usada como fonte de calor, combustível, energia. O biossólido resultante desses processos de fermentação é de alto valor nutricional para as plantas e o líquido gerado no efluente pode ser utilizado para fertirrigação e cultivo em geral. A utilização dessa tecnologia permite a economia na compra de gás, elimina a utilização de lenha para o cozimento de alimentos e todos os problemas decorrentes dessa prática, auxilia a agricultura de subsistência, podendo ser utilizada ainda na iluminação e como combustível para diversas máquinas. O objetivo final do projeto é o desenvolvimento de biorreatores adaptados para a realidade regional e sua integração com as comunidades interessadas.

  

  1. QUALIDADE MICROBIOLÓGICA DA ÁGUA DE IRRIGAÇÃO PROVENIENTE DE FONTES ALTERNATIVAS E SUA INFLUÊNCIA NA QUALIDADE HIGIENICOSSANITÁRIA DE HORTALIÇAS CULTIVADAS EM UMA HORTA DE UMA INSTITUIÇÃO PÚBLICA DE ENSINO DO NORTE FLUMINENSE.

Coordenador: Carolina Relvas Chaves

Resumo: A água é um recurso natural que deve ser conservado em sua totalidade, a fim de evitar desperdícios. A agricultura depende da água para irrigação e para isso, ela deve se enquadrar em determinados padrões de qualidade. A água utilizada para irrigação pode conter micro-organimos potencialmente patogênicos que poderão colonizar as hortaliças. Estas, por serem frequentemente consumidas in natura, podem ser consideradas veículos importantes de disseminação de patógenos aos consumidores. O presente projeto tem como objetivo conhecer a qualidade microbiológica da água obtida de fontes alternativas, poço e captação da chuva, utilizadas para irrigação e sua influência na qualidade higienicossanitária de hortaliças, cultivadas em uma horta de uma instituição pública de ensino do Norte Fluminense. Serão coletadas amostras de água do poço artesiano existente na instituição e de tonéis cobertos com tela para captar a água nos dias de chuva. Concomitante, serão coletadas amostras de água da companhia de abastecimento para comparar a qualidade microbiológica entre as amostras. Serão coletadas também amostras das hortaliças, após terem sido irrigadas com a água do poço, a água da chuva e com a água da concessionária de abastecimento. As coletas e análises microbiológicas serão realizadas mensalmente, durante seis meses. Espera-se estabelecer quais seriam as melhores opções de água, entre as três estudadas, para a irrigação e assim propor uma maneira de economizar água tratada, a fim de minimizar a escassez de água que a sociedade vem enfrentando. Além disso, os resultados obtidos poderão alertar os consumidores dos vegetais que vem da horta sobre a importância do processo de sanitização dos alimentos antes do consumo, visando evitar doenças de origem alimentar.

 

  1. ESTUDO DO PAPEL FITORREMEDIADOR DA MACRÓFITA FLUTUANTE EICHHONOMIA CRASSIPES NA LAGOA DO VIGÁRIO

Coordenador: Eliliane Vasconcelos Corrêa Almada

Resumo: A Lagoa do Vigário localizada no município de Campos dos Goytacazes encontra- se eutrofizada devido a ocupação desordenada de suas margens e ao lançamento de efluentes em suas águas. Esta lagoa é colonizada pela macrófita flutuante Eichhornia crassipes, conhecida popularmente como aguapé. Sabe-se que em ambientes eutrofizados a biomassa de aguapé constitui um importante compartimento estocador de nutrientes, além de suas raízes criarem um ambiente adequado para a atividade de fungos e bactérias que contribuem para o processo de despoluição de sistemas hídricos.

Sendo assim, este trabalho tem como objetivo gerar dados que possam ser utilizadas em projetos de planejamento visando o uso adequado de Eichhornia crassipes para a mitigação das elevadas concentrações de nitrogênio (N) e fósforo (P) na Lagoa do Vigário. Para isso, serão realizadas coletas em diferentes pontos da Lagoa do Vigário nos períodos seco e úmido a fim de atualizar as informações relativas aos níveis de eutrofização deste sistema. Serão realizados experimentos de cultivo de E. crassipes em casa de vegetação utilizando água da Lagoa do Vigário a fim de verificar a influência do crescimento desta macrófita sobre os indicadores físico-químicos da água. Será feita

também a determinação das porcentagens de assimilação de diferentes formas de N e P por E. crassipes a partir de análises de amostras de água coletadas periodicamente durante o experimento e análises da constituição nutricional dos tecidos das macrófitas. Com os resultados a serem obtidos espera-se subsidiar ações de manejo da E. crassipes para o aproveitamento do seu potencial de fitorremediação na Lagoa do Vigário.

 

  1. INOVAÇÃO NA GESTÃO ADMINISTRATIVA NA EDUCAÇÃO PROFISSIONAL NO INSTITUTO FEDERAL FLUMINENSE

Coordenador: Emanuele da Silva Goulart Fernandes

Resumo: Em sua grande parte a rede federal de educação tecnológica a administração dos campi estão centralizadas nas reitorias e no ano de 2013, 2014 e 2015 o Instituto Federal Fluminense encontrar-se em processo de descentralização na sua execução orçamentária. Cada câmpus se responsabiliza pelos setores de compras, financeiro, almoxarifado e patrimônio. O presente estudo visa mensurar se essa inovação traz celeridade ao grande gargalo da execução dos processos administrativos. Esta pesquisa analisará as teorias existentes sobre a centralização e descentralização da autoridade. O estudo será aplicado com analise quantitativa, com o uso de recursos e de técnicas estatísticas e descreverá as características da população a partir dos dados do survey com a gestão e os servidores da escola e da análise dos processos administrativos. A expectativa é responder se existe vantagem em descentralizar as atividades meio da instituição.

 

 

  1. COMPOSTAGEM DE RESÍDUOS OTGÂNICOS SÓLIDOS POR DIFERENTES MÉTODOS DE AERAÇÃO

Coordenador: Gilmar Santos Costa

Resumo: O crescimento dos centros urbanos acarreta, entre outros problemas, a geração de diferentes resíduos sólidos orgânicos. O volume destes materiais gerados pode ser diminuído com o processo de compostagem, gerando um produto de melhor qualidade, em um menor tempo e passível de reutilização. Este trabalho tem por objetivo comparar o método aeração manual e o método de insuflação de ar, avaliando tempo e a qualidade do composto gerado. A compostagem da mistura de resíduos sólidos orgânicos será monitorada por um período até a estabilização do composto. Serão avaliados o revolvimento revolvimento manual; revolvimento com insuflamento de ar e controle sem aeração.

 

  1. ECONOMIA DE ENERGIA NOS CONSUMIDORES RESIDENCIAIS

Coordenador: Jonathan Velasco da Silva

Resumo: É sabido por todos que atualmente há uma crise no que diz respeito a geração de energia elétrica no nosso país, uma vez que grande parte da geração desta energia vem de uma única fonte, a hidráulica. Esta, por si só, não tem sido suficiente para atender ao desenvolvimento do país. A situação tem se agravado principalmente em função da seca nos últimos dois anos, que tem ocasionado uma baixa dos volumes de água nos reservatórios das usinas hidrelétricas. Neste sentido, há a necessidade urgente de utilização de outras fontes de energia como as térmicas, que utilizam derivados de petróleo, e que têm um custo de geração bem mais elevado que a hidráulica, causando assim, um maior valor por Kwh gerado, provocando um aumento nas contas de energia da população. Recentemente foram aprovados aumentos que chegam a 30% nas contas de energia, provocando estranheza, insatisfação e manifestações populares em função deste contexto. Esse cenário por si só já aponta para a necessidade de preocupação quanto à economia e conservação de energia. Neste sentido, há a necessidade urgente de realização de ações/projetos de intervenção que se proponham a conscientizar a população que a economia de energia é um grande desafio na atualidade. Pretende-se, assim, com este projeto, realizar um levantamento de como vem ocorrendo o consumo de energia nas residências dos moradores da cidade de Campos dos Goytacazes, fazendo distinção de classe social, seguindo a divisão proposta pelo IBGE, ou seja, classes A, B, C, D e E. Além disso pretende-se identificar quais medidas a população tem tomado para economizar energia, e qual o impacto destas medidas nas contas de energia, bem como, a eficiência dessas medidas. Assim, espera-se conseguir identificar o perfil dos consumidores de energia a partir da classe social e identificar os saberes da população no que diz respeito a conservação de energia.

 

  1. EVASÃO NO IFFLUMINENSE CAMPUS CAMPOS GUARUS: UM ESTUDO ACERCA DAS CAUSAS E PROPOSTAS DE INTERVENÇÃO

Coordenador: Jonathan Velasco da Silva

Resumo: Sabe-se bem que o fenômeno da evasão escolar, caracterizada como a interrupção no ciclo de estudos, influenciada por diversos fatores internos e externos à instituição escolar é uma realidade dramática da Educação Brasileira. Em todos os níveis e modalidades de ensino nas escolas públicas de todo o país, o índice se torna cada vez mais crescente de estudantes que abandonam os bancos escolares, mesmo com todo o processo de democratização do acesso ao ensino, fenômeno que se acentua nas últimas duas décadas. Na Rede de Educação Profissional e Tecnológica, esta realidade não é diferente. Na Educação Básica e Ensino Superior, já se tem alguns estudos que caracterizam esta realidade, entretanto, na Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica, há uma carência enorme no que diz respeito às causas (dados empíricos e estatísticos) tampouco de referencial teórico e projetos de intervenção (DORE, 2012; MEC, SETEC, 2014). Essa realidade mostra a extrema necessidade e urgência de projetos como este que busca caracterizar causas da evasão escolar no IFFLUMINENSE, em um de seus campi, o campus Campos-Guarus, e de igual forma, propor ações de intervenção a fim de minimizar ou até mesmo erradicar a evasão escolar.

 

  1. ESTUDO FITOQUÍMICO DE Swartzia oblata (fabaceae) E AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE ANTIVIRAL

Coordenador: Marcelo Francisco de Araújo

Resumo: Plantas medicinais têm sido utilizadas desde os dias mais remotos da humanidade e formam as bases da atenção em saúde em todo o mundo. Apresentam grande importância para a pesquisa farmacêutica e desenvolvimento de fármacos, não apenas quando os constituintes da planta são usados diretamente como agentes terapêuticos, mas também como material de partida para a síntese de substâncias farmacologicamente ativas. Neste contexto inserem-se plantas do gênero Swartzia pertencente a família Fabaceae que é caracterizado pela produção de diversos metabólitos secundários com atividades biológicas destacando, flavonoides, saponinas e pterocarpanos. Visando o grande potencial de produção de metabólitos secundários bioativos atrelados ao pouco estudo das espécies do gênero, o presente trabalho tem como objetivos (i) realizar o estudo fitoquímico da espécie Swartzia oblata conhecida popularmente como “grão de bode” por meio de técnicas cromatográficas, (ii) realizar ensaio antiviral (herpes simplex 1 e 2) em extratos, frações e substâncias isoladas. As folhas e madeira foram coletados na Mata do Mergulhão (21°46’47”S 41°15’35”W) em Campos dos Goytacazes-RJ. O material foi seco e triturado (folhas 0,9 Kg e madeira 1,7 Kg) e submetido a extração com etanol por maceração exaustiva. Após destilação do solvente a pressão reduzida, o extrato será particionado em hexano e AcOEt. As partições serão submetidas a análise do potencial antiviral e por prospecção para identificar os extratos mais promissores para que se realize o fracionamento cromatográfico e determinação estrutural das substâncias isoladas. Como o trabalho está sendo iniciado espera-se que o estudo fitoquímico possibilite o isolamento e identificação de metabólitos secundários potencialmente ativos contra o virus da herpes simplex além de contribuir para o conhecimento do quimismo do gênero.

 

  1. ISOLAMENTO, PURIFICAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO ESTRUTURAL DE METABÓLITOS SECUNDÁRIOS ISOLADOS DE Swartzia apetala var. E AVALIAÇÃO DO POTENCIAL ANTIOFÍDICO

Coordenador: Marcelo Francisco de Araújo

Resumo: Uma das principais convergências entre a química de produtos naturais e a farmacologia é a investigação fitoquímica, que busca substâncias biologicamente ativas. A ideia sistêmica deste princípio está embasada na cultura de populações remotas que para buscarem alívio e cura de doenças usavam da ingestão de preparados com plantas. Tais preparados, chás ou tinturas, por exemplo, apresentam uma miscelânea de substâncias micro e macromoleculares sintetizadas pelas plantas, as quais tem sido responsável pelo o desenvolvimento da Química de Produtos Naturais e áreas afins. Apresentam grande importância para a pesquisa farmacêutica e desenvolvimento de fármacos, não apenas quando os constituintes da planta são usados diretamente como agentes terapêuticos, mas também como material de partida para a síntese de substâncias farmacologicamente ativas. Além do viés farmacológico, a química de produtos naturais apresenta relação estreita com a quimiossistemática, que ao identificarem e credenciarem novas substâncias de plantas superiores solidifica propostas quimiotaxonômicas estabelecidas. Neste contexto, a proposta apresentada tem como objetivos: (i) realizar o estudo fitoquímico de Swartzia apetala var. apetala por meio de técnicas cromatográficas e de determinação estrutural como (UV, IV, CG-EM, RMN uni de bidimensionais) e (ii) realizar ensaio antiofídico em extratos, frações e substâncias isoladas. Espera-se com os resultados obtidos contribuir para o conhecimento quimiotaxonômico dos gêneros da espécie estudada e identificar substâncias biologicamente ativas.

 

  1. ANÁLISE DE FÁRMACOS NAS ÁGUAS DAS PRAIAS DA ILHA DE ITACURUÇÁ

Coordenador: Mônica Maciel Elias

Resumo: As águas da Baía de Sepetiba foram analisadas nas proximidades do continente, resultados mostraram contaminantes advindos de resíduos industriais, da agricultura e resíduos domésticos. A Ilha de Itacuruçá, maior ilha na Baía de Sepetiba, apresenta dezesseis praias todas com residências. Em projeto anterior, realizado nas praias Quatiquara, Águas Lindas, Maria Russa, Praia Grande e Gamboa, foi verificado que há cerca de 7 a 10 moradores e mais de vinte vezes esse valor em casas de veraneio em cada praia. Todas as casas despejam os resíduos em sumidouros ou diretamente nos cursos d’água. Por esse motivo, acredita-se que as praias estejam contaminadas com resíduos domésticos, dentre eles, poluentes orgânico persistentes como fármacos, hormônios e cafeína. Neste projeto, os recursos hídricos das praias citadas serão tratados pela técnica de extração em fase sólida e analisados utilizando HPLC ou CGMS com padrão interno. Será determinada a concentração destes poluentes no ambiente e discutidos os riscos a saúde da população.

10. DETERMINAÇÃO DOS IMPACTOS DO TURISMO SOBRE AS ÁGUAS NATURAIS DAS COMUNIDADES INSULARES NA ILHA DE ITACURUÇÁ

Coordenador: Mônica Maciel Elias

Resumo: As águas da Baía de Sepetiba, foram analisadas nas proximidades do continente, mostraram contaminantes advindos de resíduos industriais, da agricultura e resíduos domésticos. Ainda não se sabe a qualidade da água nas proximidades da Ilha de Itacuruçá. Por isso, deseja-se analisar a qualidade da água de cinco praias da Ilha de Itacuruçá (Quatiquara, Águas Lindas, Maria Russa, Praia Grande e Gamboa) e avaliar os parâmetros físico-químicos e de potabilidade para uso recreacional de contato primário. Deseja-se realizar análises no mês de agosto/2015, nos meses de novembro/2015 a fevereiro/2016 e maio/2016 e junho/2016 serão realizadas as seguintes análises: Oxigênio dissolvido, temperatura, pH, Demanda bioquímica de oxigênio (DBO7), Demanda química de oxigênio (DQO) e coliformes (totais, fecais e Escherichia coli) todas as análises baseadas no livro Standard Methods. Em projeto anterior foi verificado que a qualidade sanitária das residências é precária, todas com uso de sumidouros ou os resíduos são despejados diretamente nos cursos d’água. Por esse motivo, acredita-se que as praias estejam contaminadas com resíduos domésticos, mas não se sabe se esta contaminação afeta a balneabilidade das referidas praias.


11. VIGILÂNCIA DE DCNT NO IFFLUMINENSE GUARUS: RASTREAMENTO PARA O DM2

Coordenador: Vanda Corrêa Thomé

Resumo: As Doenças Crônicas Não Transmissíveis (DCNT) são as principais causas de morte no mundo. A maioria dos óbitos por DCNT são atribuíveis às doenças do aparelho circulatório (DAC), às doenças respiratórias crônicas, ao câncer e ao diabetes (OPAS/OMS, 2011). No Brasil, as DCNT correspondem a 72% das causas de mortes. Na última década, apesar da redução em 20% na mortalidade por DCNT, as taxas de mortalidade por diabetes aumentaram (BRASIL, 2011). O diabetes é uma doença de fundo metabólico na qual existe, por parte do organismo, incapacidade total ou parcial de retirar a glicose do sangue e levá-las para dentro das células; o tipo 2 do diabetes, é o mais frequente, responsabilizando-se por mais de 90% dos casos. Em si, não tem mortalidade elevada, quando comparado a outras DCNT, mas constitui um importante fator de risco e comorbidade para outras condições mais graves, tais como, as doenças cardiovasculares (DCV), insuficiência renal e a cegueira (GOULART, 2011). Diante da elevada carga de morbimortalidade, com perda importante na qualidade de vida, é fundamental que os sistemas de assistência à saúde, as instituições de pesquisa e de ensino, especialmente as formadoras de mão de obra voltada à saúde, e aqui se insere o Instituto Federal de Ciência e Tecnologia – IFF Guarus, promovam ações de vigilância/promoção/educação em saúde para lidar com os problemas educativos, de comportamento, nutricionais e de assistência que impulsionam a epidemia de diabetes. Esta pesquisa está vinculada à área de Saúde do IFF Campos, e se propõe a fomentar ações de vigilância em saúde. Para tanto, será elaborado e aplicado um inquérito de saúde no campus Guarus, a fim de levantar o risco da comunidade para o desenvolvimento de DCNT, com o foco no DM2. A partir destes estudos, pretende-se gerar informações e conhecimentos (Banco de Dados) sobre as condições de saúde da população pesquisada, a fim de embasar ações de promoção em saúde na comunidade; possibilitando contribuições técnicas sobre o tema, para publicação em fóruns diversos, fomentando a interdisciplinaridade e a integração da área da saúde com as demais áreas de ensino e pesquisa do IFF Campos.

registrado em: ,