CAMPUS CENTRO DE REFERÊNCIA

Você está aqui: Página Inicial > Nossos campi > Centro de Referência > O que vi do IFF > Informações do projeto

SOBRE O PROJETO

RESUMO

“O que vi do IFF” é um projeto concebido pela, então, Pró-Reitoria de Desenvolvimento da Convivência Humana, no ano de 2016, e se propõe a resgatar momentos interessantes, vivências, acontecimentos que marcaram a história do IFF, a história regional, através da captação de áudio e vídeo (em linguagem de depoimento) de servidores aposentados, produzindo rica fonte de informação histórica institucional ao mesmo tempo em que valoriza a contribuição desses personagens.

O projeto foi iniciado em agosto de 2017, com a aprovação no edital 60/2017, e cumpriu com os objetivos da proposta anterior, e a previsão de lançamento dos produtos planejados é junho de 2018. 

Nossa proposta atual, com a recente renovação no edital nº 85/2018 é dar continuidade ao projeto, atingindo novos objetivos, melhorando o que já tem sido feito e principalmente gravando mais aposentados. Já gravamos uma média de 21, e ainda faltam muitos outros.


FUNDAMENTAÇÃO

Ao longo da vida, o cotidiano dos servidores no IFFluminense se mistura e se torna parte da história de vida do servidor, pode-se imaginar que, dada a oportunidade, o servidor que chegou ao fim de sua carreira na instituição gostaria de poder compartilhar um pouco dos momentos vividos, ao passo que também é de interesse institucional valorizar a contribuição deste servidor.

Em uma instituição centenária como o IFFluminense, sua história envolve também o seu impacto local e regional, principalmente no tocante à educação, fazendo deste projeto uma possível fonte de pesquisa de memória oral.

Em 2017, ano da primeira submissão do projeto, no IFFluminense, existiam poucos projetos que caminhavam no sentido da valorização do servidor aposentado. Portanto havia, e ainda há, necessidade deste resgate, que deve, inclusive, fomentar outras iniciativas de preservação da memória, através do audiovisual. Atualmente, podemos endossar que o projeto “O que vi do IFF” mostrou-se um importante influenciador neste um ano (agosto 2017/julho 2018) de desenvolvimento e já se pode verificar outros avanços e iniciativas paralelas, como os encontros “A arte de aposentar”, os cursos de “corte e costura” e “Informática básica”, todos da Pró-reitoria de gestão de pessoas.

 

JUSTIFICATIVA

O projeto se justifica pela necessidade de valorizar colegas de trabalho que dedicaram toda a sua vida funcional à instituição. O Instituto Federal Fluminense é uma instituição centenária e, mais do que prédios e materiais, é formada por pessoas. As pessoas fazem a instituição ser o que ela é hoje. As contribuições dadas por servidores no passado repercutem hoje na forma do respeito, do reconhecimento e da imagem de excelência perante a sociedade.

Alguns dos relatos históricos, da instituição, da sociedade em seu entorno, dos fatos políticos e sociais, estão guardados apenas na memória desses profissionais, testemunhas. E através do audiovisual, estamos produzindo um importante acervo, já pensando em requisitos de pesquisa e distribuição para a comunidade.


Objetivo Geral:

 O objetivo desse projeto é captar e guardar um pouco da história de vida e da história construída no IFF por profissionais que tanto contribuíram para nossa instituição.


Objetivos Específicos: 

  • Construção de um registro histórico do IFFluminense, contado por servidores;
  • Sensibilização da comunidade escolar, quanto a contribuição dada por estes profissionais ao longo de sua vida funcional;
  • Reconhecimento por parte do IFFluminense do valor destes servidores;
  • Resgate do valor do ser humano dentro do contexto escolar;
  • Resgate do sentimento de pertencimento por parte do servidor inativo quanto à instituição;
  • Transmitir ensinamentos, vivências e experiências aos servidores mais novos.
  • Fomentar a prática audiovisual, recurso mais familiar aos mais jovens, como meio de aproximação destes com a história e as práticas educacionais tecnologicamente assistidas.
  • Promover a discussão entre novos servidores sobre o “servir ao público”, utilizando bases históricas desta práxis.


Metodologia de Execução do Projeto

O projeto objetiva entregar 2 “produtos”, uma web série e um acervo de memória oral, produzidos em três temporadas, ao longo de um ano de vigência das bolsas.

A execução do projeto inicia-se com a pré-produção e trabalho de pesquisa e levantamento dos personagens. É necessária uma minuciosa triagem levando em consideração diversos aspectos, como: condições físicas e psicológicas dos depoentes, relevância de sua contribuição, pertinência dos temas elencados para a busca de registros, aceite dos personagens, compatibilidade de agendamento com a equipe de produção, compatibilidade técnica, dentre outros.

No primeiro ano de desenvolvimento do projeto tivemos que estudar e avaliar os aspectos técnicos e teóricos para procedimento de produção de memória oral. Para isso, nos baseamos em alguns referenciais, principalmente os seguintes : Memória social: uma metodologia que conta histórias de vida e o desenvolvimento local; Manual de história oral; História Oral: memória, tempo, identidades; e História Oral: possibilidades e procedimentos.

Selecionados os personagens, inicia-se a fase de produção, ajustando os detalhes de pré-entrevista com o personagem, reservando as locações, reservas e agendas técnicas de todos os envolvidos na gravação.

A ação seguinte é o da gravação propriamente dita. É feita a gravação do depoimento lançando mão de técnicas de entrevista documental e de registro de memória oral (não necessariamente ao mesmo tempo). Nesta etapa é necessário o uso de equipamentos como: câmeras de vídeo, câmeras de foto, equipamentos de captação de áudio e iluminação.

A próxima etapa é a de tratamento e edição do material gravado. Dando a ele o destino planejado como web série.

Por último, e não menos importante, a guarda e disponibilização do material em repositório para consulta e usos diversos, com ampla divulgação.

Durante o desenvolvimento do projeto no último ano, pudemos fazer algumas leituras e ajustar a metodologia para acrescentar e aumentar o impacto do trabalho, como por exemplo: participar de encontros promovidos para aposentados, aproximação da elaboração do curso de novos servidores, participar da câmara de cultura do IFFluminense e interagir com outros projetos de Centros de Memória.


RESULTADOS ESPERADOS

Do projeto:

• O profissional aposentado sentir-se valorizado;

• A formação de acervo de registro histórico;

• A sensibilização/valorização da comunidade interna sobre a contribuição do profissional aposentado;

• Produtos audiovisuais institucionais de qualidade;


Benefícios à Sociedade

• Conhecer a história do IFFluminense contada por quem participou dela;

• Conhecer o impacto histórico do IFFluminense na região;

• Acesso à fonte de pesquisa de memória oral;


Proteção da Propriedade Intelectual (quando cabível)

 Será pactuado termo de cessão para utilização de imagem e som gerados, de acordo com as leis de direito autoral e de imagem vigentes.