CAMPUS MACAÉ

Você está aqui: Página Inicial > Nossos campi > Macaé > Notícias > Trabalho de campo integra cursos técnicos de Meio Ambiente com PPEA

Notícias

Trabalho de campo integra cursos técnicos de Meio Ambiente com PPEA

Pesquisa

Ensino Médio, Técnico Subsequente e Mestrado do Campus Macaé participaram de projeto sobre recursos hídricos.
por Valdênia Gomes Miranda Lins publicado 14/12/2016 11h45, última modificação 14/12/2016 11h49
A ação foi uma experiência exitosa de interação entre os diversos níveis de ensino do IFFluminense.

A ação foi uma experiência exitosa de interação entre os diversos níveis de ensino do IFFluminense.

Dando continuidade às ações de pesquisa relativas à Região Hidrográfica VI do estado do Rio de Janeiro, a Coordenação do PPEA organizou um trabalho de campo para avaliação da qualidade da água na bacia do Córrego Indaiassu, tributário do Rio São João, que recebe os efluentes de uma Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), no município de Casimiro de Abreu. A saída aconteceu no dia 9 de dezembro, com a participação da coordenação e de professores dos Cursos Técnicos de Meio Ambiente do Campus Macaé, todos mestres em Engenharia Ambiental pelo PPEA. Também integraram a equipe estudantes do Curso Técnico em Meio Ambiente integrado ao Ensino Médio e subseqüente, numa oportunidade de integração vertical entre os diversos níveis da Educação Profissional trabalhados no Instituto Federal Fluminense.

Na ocasião, foram realizadas medições de p.H., temperatura e coleta de água para exames microbiológicos em quatro pontos, com o apoio da equipe do Laboratório de Estudos Ambientais (Leman) do Campus Cabo Frio e da Tesalab, empresa parceira do egresso do PPEA Paulo Venícius Lima Machado, titulado em 2012. O trabalho integra o projeto “Arranjos de governança e instrumentos de gestão de recursos hídricos – pesquisa e desenvolvimento de estratégias participativas para conservação e manejo das águas”. A próxima etapa prevê a integração entre pesquisa e extensão, por meio da proposição de estratégias educomunicação e de mobilização da comunidade local para participar de ações ligadas ao planejamento integrado e à gestão descentralizada dos recursos hídricos regionais.