CAMPUS QUISSAMÃ

Você está aqui: Página Inicial > Nossos campi > Quissamã > Notícias > Campus Quissamã firma parceria para dois projetos com Prefeitura Municipal

Notícias

Campus Quissamã firma parceria para dois projetos com Prefeitura Municipal

Projetos

Ações irão atender à terceira idade e aos jovens do município.
por Comunicação Social da Reitoria publicado 20/04/2017 17h07, última modificação 20/04/2017 17h15

 O IFFluminense Campus Quissamã e a Secretaria de Assistência Social da Prefeitura do Município irão iniciar duas parcerias, uma voltada aos idosos e outra aos jovens. Após várias reuniões ao longo de 2016, o encontro realizado no dia 17 de abril de 2017, no Campus Quissamã, permitiu à equipe finalizar os detalhes dos projetos.

 Adaptando o modelo já realizado no Campus Bom Jesus do Programa Universidade da Terceira Idade, a direção geral do IFF Quissamã buscou a parceria com a Prefeitura para atender a 60 idosos, divididos em duas turmas. O trabalho tem início previsto para 30 de maio e as atividades, que acontecerão semanalmente, com duas horas de duração, serão variadas, tais como palestras, passeios, cursos, entre outras. As turmas serão renovadas a cada ano.

 “É uma oportunidade de trazermos o idoso para dentro da escola, onde ele poderá aproveitar o que temos a oferecer, o que reverte em benefícios para toda a comunidade”, destaca a diretora-geral do campus, Aline Estaneck. “Por outro lado, ele leva essa experiência exitosa para dentro da família o que acaba por trazer o jovem para cá”, acredita.

 A outra ação será realizada a partir de junho com 40 jovens inscritos em um programa municipal de bolsas, e o objetivo da Prefeitura é inseri-los no espaço escolar para capacitá-los, por isso a procura pelo IFF. “Eles serão inseridos em atividades de capacitação, nos setores administrativos do campus, e ofertaremos a eles treinamento em informática, ética e redação oficial”, explica Aline. Serão jovens entre 15 e 17 anos que permanecerão na unidade durante 6h semanais e por oito meses.

 “O município teve uma queda brusca em sua arrecadação e todos os projetos voltados aos jovens foram cancelados. Com isso, tivemos um aumento no número de casos de violência e aumento do tráfico. É uma forma, então, de tirá-los do ócio, dar uma ocupação e inseri-los no ambiente de aprendizagem”, ressalta Aline.