Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Seminário Sociedade, Políticas Públicas e Educação do IFFluminense discute o PNE

Notícias

Seminário Sociedade, Políticas Públicas e Educação do IFFluminense discute o PNE

Plano Nacional de Educação

O evento foi aberto nesta terça-feira, dia 13 de dezembro, com a palestra magna O Plano Nacional de Educação e seus Desafios, ministrada pelo professor Marcelo Feres.
por Comunicação Social da Reitoria publicado 14/12/2016 11h39, última modificação 16/12/2016 12h41
Exibir carrossel de imagens O professor Marcelo Feres ministrou a palestra de abertura

O professor Marcelo Feres ministrou a palestra de abertura

 O primeiro dia do Seminário Sociedade, Políticas Públicas e Educação do IFFluminense, promovido pela Pró-reitoria de Ensino e Aprendizagem, reuniu o reitor do Instituto, pró-reitores, diretores-gerais, diretores sistêmicos e gestores da área de ensino dos campi, na terça-feira, dia 13 de dezembro, no auditório Miguel Ramalho do Campus Campos Centro.

 O evento, que faz parte das atividades do Ciclo de Formação de Gestores de Ensino (Ciforgen), foi aberto pela pró-reitora de Ensino e Aprendizagem, Christiane Menezes, que deu as boas-vindas aos participantes e destacou os objetivos do Ciforgen.

 Este projeto visa investir na formação continuada dos gestores de ensino numa perspectiva de suscitar momentos de reflexão da nossa prática pedagógica e, neste sentido, nos instrumentalizar, de forma mais qualitativa, em nossos projetos de trabalho e na tomada de decisão”, afirmou Christiane, acrescentando que “a temática do seminário se faz muito relevante neste momento em que é necessário fortalecer a nossa Rede de Educação Profissional e Tecnológica”.

 Em seguida, o professor do IFFluminense e ex-secretário da Setec/MEC, Marcelo Feres, ministrou a palestra magna O Plano Nacional de Educação e seus Desafios, mediada pelo reitor Jefferson Manhães. Em sua fala, Marcelo fez uma contextualização do momento internacional e nacional de mudanças e incertezas, influenciado por fatores políticos, econômicos e sociais, ressaltando o papel da rede federal e a importância da dimensão da responsabilidade compartilhada pela educação.

 A nossa responsabilidade é maior, a sociedade nos olha de uma maneira diferente e espera uma ação diferenciada de nossa parte. Em termos de PNE, temos 20 metas, mas todas elas precisam de investimento. Com mais ou menos investimento, é preciso ser criativo, e os institutos federais têm essa possibilidade. Nós estamos precisando de uma agenda que nos motive a fazer educação. Vamos fazer além daquilo que esperam de nós, para continuar crescendo, expandindo”, enfatizou o palestrante.

 O reitor destacou a importância do debate. “Este é um momento muito especial, em que estamos discutindo a educação engajada, interconectada com as cidades, com o país, uma educação transformadora que precisa ser debatida. Para enfrentar os desafios que estamos vivenciando, temos que ter os gestores muito bem preparados, instrumentalizados, entendendo e sabendo o seu papel no PNE”, afirmou Jefferson Manhães.

 Na parte da tarde, a mesa-redonda “O PNE e o IFFluminense: estratégias e desafios”, com Nilva Schroeder (IFSC) e João Monlevade (Consultor Legislativo do Senado Federal), mediada pelo diretor de Planejamento Estratégico do Instituto, Carlos Artur Arêas, tratou de metas específicas do IFFluminense, como a Educação Profissional Técnica e a formação do professor. A programação foi transmitida, ao vivo, pela internet.

 O evento prosseguiu na quarta-feira, dia 14 de dezembro, durante todo o dia, com a realização de dois Painéis IFFluminense “Convite a um projeto coletivo”: um com a participação do reitor, pró-reitores e diretores sistêmicos, mediado pelo chefe de gabinete, Maurício Vicente, com abertura de espaço para discussões para o planejamento institucional para os próximos anos; e outro, na parte da tarde, somente para a equipe da Pró-reitoria de Ensino e Aprendizagem, mediado por Jefferson Manhães.

 

Comunicação Social da Reitoria