Você está aqui: Página Inicial > Reitoria > Diretorias Sistêmicas > Diretoria de Comunicação > Informativo Eletrônico do IFFluminense (InFForme) > InFForme n° 14 > Professores utilizam rede social como recurso didático

Professores utilizam rede social como recurso didático

por Comunicação Social do Campus Bom Jesus do Itabapoana publicado 19/04/2017 14h47, última modificação 20/04/2017 17h42
Participação dos alunos tornou-se mais ativa após inclusão de ferramenta online nas atividades.

 Redes sociais fazem parte do dia a dia de grande parte da população. Um estudo realizado em 2015 mostrou que brasileiros são líderes no tempo gasto nelas: passamos cerca de 650 horas mensais conectados, 60% a mais do que a média mundial. Estudantes em geral formam parte do público que tem por hábito dividir a atenção entre inúmeros aplicativos de relacionamento e compartilhamento de informações. Unir tais funcionalidades pode se tornar um grande aliado do ensino. É o que vem acontecendo no Campus Bom Jesus, onde docentes adotaram uma rede social como recurso didático.

 Foi durante suas pesquisas de mestrado que Áquila Ditzz, professor do curso técnico em Informática, conheceu o Edmodo, sistema de microblog desenhado especificamente para professores e estudantes. Trata-se de uma “rede social da educação”, que permite não só a troca de informações, mas também a aplicação de atividades avaliativas, como trabalhos e testes. Ele ressalta a facilidade de utilização da plataforma, que é gratuita e, ao contrário de outros serviços similares, não demanda a presença de um servidor na instituição. Conta, ainda, com uma interface gráfica leve e popular. “É extremamente parecido com o Facebook, então a ideia é trazer esse ambiente que o aluno já está familiarizado e adaptá-lo à realidade dos professores”, explica Áquila.

Professores utilizam rede social como recurso didático

(Alunos elogiaram a interação proporcionada pelo ambiente virtual)

 A plataforma foi apresentada aos docentes do campus durante o Encontro Pedagógico realizado no início do ano letivo, quando Cidllan Faial, professor de Educação Física, decidiu utilizá-la em sua disciplina. “Achei a ferramenta muito prática. Consigo enviar conteúdos direto aos alunos e controlar tanto a entrega de materiais quanto a correção e o envio direto das notas”, explica.

 A experiência tem sido bem recebida pelos estudantes, principalmente aqueles que estudam em período integral e tem grande número de disciplinas. “Quando os professores precisam disponibilizar materiais de estudo ou passar trabalhos, fazemos e entregamos tudo por lá. Isso facilita o acesso ao professor e também ajuda no cumprimento dos prazos, pois sempre nos lembram as atividades pendentes”, analisa Julia Batista, aluna do curso técnico integrado em Informática. Os reflexos têm sido positivos na escola. “Noto que estão mais responsáveis, participam mais, tiram duvidas, perguntam, até interagem mais com os próprios colegas. Acaba sendo uma extensão da sala de aula”, conclui Áquila.

Professores utilizam rede social como recurso didático

(Edmodo foi apresentado aos professores durante Encontro Pedagógico)

 Funcionalidades – Como qualquer rede social, Edmodo permite a interação entre os participantes por meio de postagens, compartilhamento de arquivos, criação de grupos, entre outros. Além disso, o professor pode designar tarefas e criar atividades avaliativas com questões de múltipla escolha, verdadeiro ou falso, respostas curtas e/ou associação de colunas. Nesse caso, a nota é gerada imediatamente após a conclusão do teste e, para atividades que demandam correção do docente, este mesmo poderá inserir a nota no sistema.

 A plataforma também está disponível em aplicativo, facilitando o acesso aos alunos que possuem celulares e tablets com acesso à internet 3G. O cadastro é gratuito e pode ser feito diretamente no site do Edmodo. Estudantes não precisam de e-mail para uso, bastando a criação de login e senha.