Você está aqui: Página Inicial > Reitoria > Notícias > Desafio Solar: instituições participam de competição de barcos em Búzios

Notícias

Desafio Solar: instituições participam de competição de barcos em Búzios

Reditec 2018

Rali de barcos movidos à energia solar, que esse ano fez parte da programação da Reditec, acontece até o próximo sábado, 15/09.
por Clayton Nascimento (IFRN) publicado 14/09/2018 11h14, última modificação 14/09/2018 11h14
Exibir carrossel de imagens Competição segue até o próximo sábado, na Praia da Armação, em Búzios (Fotos: Gildo Júnior - IFRR)

Competição segue até o próximo sábado, na Praia da Armação, em Búzios (Fotos: Gildo Júnior - IFRR)

 Em paralelo às atividades da 42ª Reditec, acontece na Praia da Armação, em Búzios-RJ, o Desafio Solar, um rali de barcos movidos à energia solar que tem entre seus objetivos envolver jovens, estudantes de ciências e tecnologias, no uso de fontes alternativas de energia, popularizando ainda a cultura marítima. Aberto na segunda, 10 de setembro, o evento segue até sábado, quando acabam as competições. 

 O desafio acontece com provas disputadas por 22 equipes, de vários estados do país; alguns institutos federais estão entre elas, como a equipe Zênite, de Santa Catarina, Smart e Reis do Sol, do Cefet/RJ, a Solares, composta por estudantes do Instituto e da Universidade Federal do Espírito Santo e a Bismarck Solaris, do Instituto Federal Fluminense (IFF). Esta é a 11ª edição do evento, realizado pela sexta vez consecutiva na cidade de Búzios.

 Os dois primeiros dias de evento foram de preparação. As competições foram iniciadas na quarta-feira, 12, com duas provas, uma pela manhã e outra à tarde. “Cada uma dessas provas tem características diferentes, como a distância, por exemplo; outras medem a capacidade de manobra das embarcações e até de velocidade final, buscando identificar qual qual barco tem mais eficiência”, disse Ítalo Tomaz, competidor e professor de Mecânica do Campus Cabo Frio do IFF. 

 Um dos coordenadores da equipe Bismarck Solaris, Ítalo integra uma equipe multicampi, que traz servidores e estudantes do Curso Técnico Integrado em Construção Naval do Campus Avançado São João da Barra, estudantes do Curso Técnico em Eletromecânica e do ensino superior Campus Cabo Frio, além de servidores do Polo de Inovação do IFFluminense. Segundo o professor, o envolvimento dos alunos no projeto é muito importante: “lidamos com situações adversas e estimulamos o comprometimento, essencial para a formação dos estudantes". 

 Já Pedro Henrique Araújo, que também é professor do Curso Técnico de Construção Naval do IFF, destaca o desenvolvimento de capacidades e competências que o projeto gera: “são ações na área de mecânica, elétrica e, principalmente, em tecnologia de energia solar que estimulam a parte prática do curso, com a montagem de sistemas elétricos e eletrônicos nos barcos, e trazem, na parte da tecnologia, a energia solar, um investimento crescente nessa força que está vindo para o futuro”, declarou o professor.

 As competições seguem até a manhã do próximo sábado, 15, partindo do píer da Praia da Armação.

 

 Acompanhe a Reditec 2018 pelo FacebookInstagram e pelo canal do IFFluminense no Youtube, o IFF Tube

 As fotos do evento podem ser acessadas AQUI