Você está aqui: Página Inicial > Reitoria > Notícias > Grupo Galpão realiza Oficina de Teatro no IFFluminense

Notícias

Grupo Galpão realiza Oficina de Teatro no IFFluminense

Arte

A oficina, promovida no Campus Centro, contou com 50 participantes da comunidade interna e externa.
por Comunicação Social da Reitoria publicado 21/06/2018 13h07, última modificação 25/06/2018 09h08
Exibir carrossel de imagens A oficina contou com participação de alunos do IFF e da comunidade externa

A oficina contou com participação de alunos do IFF e da comunidade externa

 O Grupo Nós do Teatro e a Coordenação de Políticas Culturais e Diversidade do IFFluminense promoveram uma Oficina de Teatro com a atriz Inês Peixoto, do Grupo Galpão, no dia 29 de maio, no Campus Campos Centro do IFF. A oficina contou com a participação de 50 pessoas, entre estudantes da Licenciatura em Teatro e participantes da comunidade externa.

 Com o objetivo de compartilhar experiências, a oficina intitulada "Cumplicidade e Criação" propôs um processo criativo, utilizando como ferramenta alguns jogos coletivos e a ativação da memória e imaginação como matéria-prima para criação de esboços de cena.

 De acordo com o coordenador de Políticas Culturais e Diversidade, Jonas Defante, a oficina despertou bastante interesse de participação. “Obtivemos 101 pessoas interessadas pela oficina, que disponibilizou 50 vagas, sendo 30 para ouvintes e 20 para a parte prática”, destaca.

 Essa não foi a primeira vez que o Grupo Galpão, que estava de passagem por Campos dos Goytacazes para uma turnê - que contou com a contribuição do Grupo Nós do Teatro, dirigido pela professora aposentada Kátia Macabu -, ministrou uma oficina no IFF. Em 2009, durante o 1.º Festival Nacional de Esquetes do Instituto Federal Fluminense (Fesquiff), o grupo promoveu uma oficina em parceria com o Nós do Teatro.

 O Grupo Galpão é uma companhia de teatro de pesquisa, criada há 35 anos, que tem sua origem ligada ao teatro popular e de rua. Ao longo dos anos, os vários encontros com grupos, diferentes diretores e movimentos teatrais foram fundamentais para sua trajetória. Sua linguagem é resultado dessa série de encontros e experiências vindas de diferentes métodos e pesquisas. O compartilhamento de experiências e a troca com as comunidades para além do espetáculo é um dos focos do projeto artístico do Grupo Galpão.