Você está aqui: Página Inicial > Reitoria > Notícias > IFFluminense realiza curso de empreendedorismo em parceria com o Sebrae

Notícias

IFFluminense realiza curso de empreendedorismo em parceria com o Sebrae

Convênio

A iniciativa visa a difusão da cultura empreendedora.
por Comunicação Social da Reitoria publicado 21/07/2017 15h14, última modificação 21/07/2017 15h14
Exibir carrossel de imagens O evento contou com a participação de 30 servidores do IFF.

O evento contou com a participação de 30 servidores do IFF.

 Entre os dias 18 e 21 de julho, o Instituto Federal Fluminense (IFF) e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) realizaram um curso para formação de docentes na área de empreendedorismo. O evento  contou com a participação de 30 servidores, indicados pela gestão de seus respectivos campi, ocorreu na Reitoria do instituto, por meio da Escola de Formação. 

 O curso foi ministrado pela consultora do Sebrae, Conceição Macedo. Ela ressalta que conteúdo foi muito diversificado e abrangeu várias vertentes. Além disso, "a participação das pessoas acabou influenciando de maneira positiva: o grupo é muito dinâmico e competente", afirma. 

 A consultora avalia a importância da iniciativa, visto que "as universidades, de modo geral, ainda não estão avançadas no âmbito do empreendedorismo e o nosso país necessita de empreendedores que tenham essa formação, que tenham o conhecimento sobre o que pretendem fazer ao sair da universidade."

 Para o diretor-geral do Campus São João da Barra, Valdeir de Souza Júlio, "o objetivo desse curso é que as pessoas envolvidas consigam levar a ideia adiante como multiplicadoras dentro dos seus municípios e dos locais de abrangência do Instituto. No mínimo, cada um repassará o aprendizado para 15 alunos de graduação, além de, dependendo da estrutura de cada campus, da necessidade e da possibilidade, isso também poderá ser apresentado através de cursos de extensão em que a ideia, o espírito empreendedor possa ser divulgado nesses locais." Valdeir acrescenta que " o ganho de autonomia permite que as pessoas apresentem soluções para situações encontradas diariamente", comenta.