Você está aqui: Página Inicial > Reitoria > Notícias > Consulta ao Plano de Cultura do IFF é lançada no Campus Santo Antônio de Pádua

Notícias

Consulta ao Plano de Cultura do IFF é lançada no Campus Santo Antônio de Pádua

Consulta Pública

A minuta, construída pelo Grupo de Trabalho de Política Cultural, ficará disponível em consulta pública, por três meses, na plataforma Participa.br.
por Comunicação Social da Reitoria publicado 13/04/2017 14h39, última modificação 13/04/2017 17h23
Exibir carrossel de imagens Kátia Macabu apresentou o Plano para a comunidade de Pádua

Kátia Macabu apresentou o Plano para a comunidade de Pádua

 A Diretoria de Desenvolvimento de Políticas Estudantis, Culturais e Esportivas do Instituto Federal Fluminense (IFF) lançou, nesta quarta-feira, 12 de abril, a Consulta Pública do Plano de Cultura do Instituto Federal Fluminense. O lançamento aconteceu no Campus Santo Antônio de Pádua e contou com a presença do reitor do IFF, Jefferson de Azevedo. A minuta está disponível para consulta pública de toda a comunidade interna e externa do IFF, durante três meses, no endereço eletrônico http://participa.br.

 A programação do evento contou com a participação do Coro IFF, formado por estudantes e servidores dos campi do Instituto e regido pelo professor Saulo Nascimento. A mesa de abertura foi composta pelo reitor do IFF, pelo diretor de Desenvolvimento de Políticas Estudantis, Culturais e Esportivas do Instituto, Gustavo Lopes, pelo diretor-geral do Campus Santo Antônio de Pádua, Arthur Rezende, e pela diretora de Pesquisa, Extensão e Cultura do Campus PáduaLívia Brasil, representando o Grupo de Trabalho (GT) de Política Cultural.

"Uma escola tecnológica traz desafios para a formação dos jovens e, para mim, um dos maiores é o de construir e manter o calor humano que os aproxima. A cultura faz esse papel e, por isso, não pode estar dissociada da educação e da escola que a gente quer para preparar os jovens para o futuro. O Plano é resultado de uma grande caminhada, que não começou na nossa gestão, que não começou na gestão anterior, é uma longa caminhada da Rede Federal, de pessoas que entendem a educação de uma maneira diferente", discursou Jefferson.  

 De acordo com a coordenadora de Políticas Culturais e Diversidade, Kátia Macabu, além da plataforma participa.br, será disponibilizado um e-mail para que pessoas possam enviar suas contribuições sobre a minuta. "Faremos ampla divulgação do e-mail como mais uma alternativa para que as pessoas possam opinar", explicou Kátia.