Você está aqui: Página Inicial > Reitoria > Notícias > Requerimentos de servidores passam a ser tramitados por meio eletrônico

Notícias

Requerimentos de servidores passam a ser tramitados por meio eletrônico

PEN

A partir de agora, 14 tipos de requerimentos pessoais devem ser feitos exclusivamente pelo Suap.
por Comunicação Social da Reitoria publicado 31/10/2018 15h11, última modificação 01/11/2018 16h26

 O Processo Eletrônico Nacional (PEN), que faz parte da rotina administrativa do IFFluminense desde sua implementação, em janeiro deste ano, entrou em uma nova etapa a partir da publicação da Revisão N.º 09 do Manual de Padronização e Tramitação de Processos Eletrônicos (disponível AQUI), com a inclusão de requerimentos pessoais.

 A partir de agora, 14 requerimentos de servidores que eram realizados pelos setores de Protocolo, passam a ser tramitados exclusivamente por meio eletrônico, no Sistema Unificado de Administração Pública (Suap). São eles: alteração de dados bancários, e-mail, endereço, estado civil, nome e telefone; entrega de declaração de participação na eleição; licença em caso de falecimento de familiares (Nojo); licença gestante; licença para casamento; licença paternidade; licença por doação de sangue; solicitação de declaração; e solicitação de folga por participação na eleição.

 De acordo com a técnica em arquivo e membro da Comissão de Implementação do Processo Eletrônico no IFF, Nathália Sepulveda, com inclusão do módulo de requerimentos no Suap, “a tramitação de documentos e processos eletrônicos, que até então esteve mais diretamente ligada aos servidores administrativos, será utilizada indistintamente por todos os servidores, implicando na necessidade de uma maior intimidade no uso da plataforma eletrônica também pelos docentes”, destaca.

 Para acessar o módulo de requerimentos no sistema basta clicar em Administração – Processos Eletrônicos – Requerimento. Em caso de dúvidas, o servidor pode procurar o setor de Gestão de Pessoas do seu campus de lotação ou enviar um e-mail para suporte.pen@iff.edu.br e comissao_processoeletronico@iff.edu.br.  

 O pró-reitor de Desenvolvimento Institucional do IFFluminense e presidente da comissão de implementação do PEN, José Luiz Boynard, ressalta que além dos benefícios relacionados à transparência, redução de papel e economicidade nos gastos públicos, “a utilização do PEN também traz facilidade no acesso e acompanhamento dos processos, que podem ser feitos remotamente, de qualquer lugar, por computador ou smartphone”.

 Saiba mais: A utilização do PEN atende ao Decreto Nº 8539/2015 e visa à construção de uma infraestrutura pública de processos e documentos administrativos eletrônicos, objetivando a melhoria no desempenho dos processos do setor público, com ganhos em agilidade, produtividade, transparência, satisfação do usuário e redução de custos.

 Para mais informações, acesse a Página do PEN. Nela estão disponíveis legislações, manuais, documentos orientadores e dicas rápidas relacionadas à utilização do sistema.