CAMPUS MARICÁ

Você está aqui: Página Inicial > Nossos campi > Maricá > Pesquisa > Utilização de garrafa PET com argamassa para a prevenção de oxidação nas armaduras de espera das colunas em edificações residenciais.

Utilização de garrafa PET com argamassa para a prevenção de oxidação nas armaduras de espera das colunas em edificações residenciais.

por - publicado 13/09/2017 14h28, última modificação 13/09/2017 14h34
PROFESSOR: Roosevelt Tavares Flexa

RESUMO: Atualmente em muitas obras de edificações realizadas pelo Brasil é comum observar, principalmente em obras residenciais onde foi construído o pavimento térreo apenas, que as armaduras de espera das colunas do pavimento superior ficam expostas ao intemperismo, que provoca a oxidação destas ferragens. Desta maneira, este trabalho de pesquisa busca o uso de garrafas PET(volume de 2 litros) com argamassa para a prevenção de oxidação nas armaduras de espera das colunas em edificações residenciais, dando uma utilização mais nobre para este material, que provavelmente iria ser descartado no lixo. Outro objetivo deste trabalho é demonstrar, que esta utilização também pode ajudar na prevenção de acidentes de trabalho e acidentes dos próprios moradores. O método empregado nesta pesquisa para demostrar sua eficiência será realizado através da confecção de corpos de prova, que serão monitorados periodicamente. O corpo de prova simulará uma laje com a armadura de espera das colunas expostas a oxidação, onde serão instaladas as garrafas PET nos vergalhões tendo no seu interior uma determinada quantidade de argamassa, que após seu endurecimento irá isolar os vergalhos da umidade que é um dos elementos que provocam a oxidação destas ferragens. Sendo assim, acompanhado periodicamente os corpos de provas esperamos demostrar a eficiência da utilização de garrafas PET com argamassa na prevenção de oxidação nas armaduras de espera das colunas, bem com demostrar a eficiência para a prevenção de possíveis acidentes quando estes vergalhões ficam expostos sobre uma laje.

registrado em: