Você está aqui: Página Inicial > Notícias > Mestrado Profissional em Sistemas Aplicados à Engenharia e Gestão é autorizado pela Capes

Notícias

Mestrado Profissional em Sistemas Aplicados à Engenharia e Gestão é autorizado pela Capes

Novo Curso

Novo curso será ofertado pelo Instituto Federal Fluminense a partir de 2016, no campus Campos Centro. Em breve, será divulgado o calendário com as datas do lançamento do edital, das etapas do processo seletivo e início das aulas.
por Ascom Reitoria publicado 22/12/2015 10h20, última modificação 04/01/2016 09h04
Exibir carrossel de imagens Equipe de professores (da esquerda para a direita): Milton Erthal, Henrique da Hora, Rogério Atem, Simone Vasconcelos, Luiz Moura e João José Rangel.

Equipe de professores (da esquerda para a direita): Milton Erthal, Henrique da Hora, Rogério Atem, Simone Vasconcelos, Luiz Moura e João José Rangel.

 O ano de 2015 termina com uma importante conquista para o Instituto Federal Fluminense: a autorização da oferta do Mestrado Profissional em Sistemas Aplicados à Engenharia e Gestão pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), projeto submetido em junho deste ano.

 O resultado foi divulgado no fim da tarde da última sexta-feira, 18, e nesta segunda-feira, 21 de dezembro, o reitor do IFFluminense, Luiz Augusto Caldas, e o diretor geral do campus Campos Centro, Jefferson Manhães de Azevedo, reuniram-se com a equipe responsável pela elaboração do projeto, na sala Rubens Moll, em Campos-RJ.

 “Ter mais um curso de Mestrado ajuda a consolidar o Instituto – que jamais vai abandonar sua trajetória técnica e profissional –, mas que, para avançar em seu papel, deve avançar também na oferta de graduação e pós-graduação. Cursos de Mestrado têm profunda relação com o trabalho dos Institutos Federais nas pesquisas e no desenvolvimento de ideias que permitem aplicação real na sociedade”, destacou Luiz Augusto.

 A proposta do programa é empregar sistemas computacionais como vetores de melhorias de processos produtivos dos diversos segmentos da economia (serviços, indústria, comércio, administração pública etc.), tendo em vista os aspectos de sustentabilidade e inovação. São duas linhas de pesquisa: Sistemas Aplicados à Gestão (SAG) e Sistemas Aplicados à Engenharia (SAE).

 “Este curso é bastante inovador na área interdisciplinar no eixo Gestão/Tecnologia/Engenharia e atenderá a uma grande demanda regional, principalmente em relação aos nossos egressos dessas áreas”, ressalta a coordenadora do curso, Simone Vasconcelos. Ela destaca, ainda, que as linhas de pesquisa têm relação com a autuação do Polo de Inovação Campos dos Goytacazes, o que possibilitará aos estudantes aplicarem suas pesquisas junto às empresas, “introduzindo-os no mercado de trabalho regional por meio dos projetos do Polo, que proporcionam a integração da academia com a indústria”.

 Com estrutura e corpo docente próprios, o curso terá duração de dois anos e será ofertado no campus Campos Centro. É voltado para egressos das graduações, principalmente, das Ciências Exatas e da Terra, das Engenharias e Ciências Sociais Aplicadas, bem como profissionais com atuação em empresas de base tecnológica.

 O primeiro processo seletivo será realizado no início de 2016, e serão oferecidas 24 vagas. Em breve, será divulgado o calendário com as datas do lançamento do edital, das etapas do processo seletivo e início das aulas. A expectativa da equipe é de receber um grande número de inscritos de egressos da instituição como de profissionais de empresas.

 “Hoje, 80% dos nossos alunos da pós-graduação em Análise e Gestão de Sistemas de Informação são de empresas, e muitos já sinalizaram o interesse no curso”, afirma o professor Rogério Atem. “Nós temos, em nossa região, um expressivo parque tecnológico e muitas indústrias que geram demandas por esse tipo de profissional. Com o curso, não será mais necessário buscar qualificação fora ou trazer profissionais de fora”, complementa o coordenador adjunto, Henrique da Hora.

Saiba Mais: Entre as disciplinas obrigatórias, estão: Engenharia de Sistemas; Gestão Estratégica da Produção; Metodologia do Trabalho Científico; Seminários de Pesquisa I, II e III.

 As disciplinas optativas são: Análise Decisória; Mineração de Dados; Gerenciamento de Processos de Negócio; Desenvolvimento de Sistemas Integrados de Gestão; Qualidade & Produtividade; Competitividade & Inovação; Gestão e Governança de TI; Engenharia do Conhecimento; Fundamentos da Web Semântica; Inteligência na Web e Big Data; Desenvolvimento de Sistemas para Engenharia; Engenharia da Sustentabilidade; Modelagem, Análise e Simulação; Computação Móvel e Ubíqua; Redes de Sensores Ambientais; Métodos Quantitativos Aplicados à Engenharia; Modelagem Matemática de Sistemas; Sistemas Microcontrolados para Monitoramento; Energia e Desenvolvimento; Tópicos Especiais Emergentes; e Estudos Dirigidos.

 Compõem a equipe do programa: Simone Vasconcelos Silva, coordenadora; Henrique Rego M. da Hora, coordenador adjunto; Corpo Docente: Aline P. Vieira de Vasconcelos; Alline Moraes Sardinha; Cristine Nunes Ferreira; Henrique Rego M. da Hora; João José de Assis Rangel; Luiz Gustavo Lourenço Moura; Mark Douglas de A. Jacyntho; Milton Erthal Junior; Renato Gomes S. Barcellos; Rogério Atem de Carvalho; Romeu e Silva Neto; e Simone Vasconcelos Silva.

 

registrado em: , ,