CAMPUS BOM JESUS DO ITABAPOANA

Você está aqui: Página Inicial > Nossos campi > Bom Jesus do Itabapoana > Extensão > Recuperação da mata ciliar no entorno das principais nascentes e das áreas de recarga

Recuperação da mata ciliar no entorno das principais nascentes e das áreas de recarga

por Comunicação Social do Campus Bom Jesus do Itabapoana publicado 05/02/2019 11h00, última modificação 05/02/2019 11h13
Recuperação da mata ciliar no entorno das principais nascentes e áreas de recarga do rio Itabapoana nos municípios de Bom Jesus do Itabapoana-RJ, Bom Jesus do Norte, Apiacá e São José do Calçado-ES

Coordenador: Mirian de Souza Valadão

Resumo: A situação de escassez de água na região sudeste permanece e aumenta a urgência de se preservar as nascentes, visto que, a diminuição da precipitação média no Vale do Itabapoana contribuiu para a redução da água das nascentes, que em sua maioria estão em total degradação, reduzindo a vazão das bacias de drenagem, como a do rio Itabapoana. Por estas razões, julgou-se necessário dar continuidade ao projeto “Recuperação da mata ciliar no entorno das principais nascentes do rio Itabapoana no município de Bom Jesus do Itabapoana, RJ”, de 2014, iniciado com o projeto “Localização e caracterização das principais nascentes do rio Itabapoana no município de Bom Jesus do Itabapoana, RJ”, no ano de 2013, quando se verificou que apenas 4% das 46 nascentes pesquisadas possuíam vegetação em seu entorno. O trabalho prosseguiu com a participação de alunos dos bolsistas e voluntários, do IFF Campus Bom Jesus do Itabapoana. De acordo com o projeto inicial (2014), tem prosseguimento a coleta de sementes da mata ciliar na região próxima das nascentes degradadas, nos tributários do rio Itabapoana, por alunos bolsistas e mateiros da região pesquisada. A classificação das famílias e o nome vulgar das árvores são obtidas através de literatura especializada. Vale ressaltar que a escassez de chuvas no período 2014 e 2015 atrasou o plantio programado. Conforme essas atividades foram ficando conhecidas da comunidade, foram surgindo doadores de sementes e proprietários interessados em participar do projeto. O plantio amplia-se em 2016. Foi realizada uma parceria com o Rotary Club Bom Jesus para aumentar a produção de mudas, com doação de insumos para semeadura. O plantio continua dentro das possibilidades do projeto e das condições climáticas, nas propriedades onde são atendidos os requisitos exigidos (cercas, coveamento, combate a formigas e adubação). Entre setembro de 2015 e janeiro de 2018 foram plantadas 4.200 mudas em dez propriedades nos distritos, estando agendado para ser realizado o plantio em mais quatro propriedades, com aproximadamente 1200 mudas. Os resultados parciais deste projeto estão sendo expostos nas “Mostras de Conhecimento, Ensino, Pesquisa e Extensão” do Instituto Federal Fluminense, através de banner e registro fotográfico do desenvolvimento do trabalho, pelas redes sociais e palestras apresentando o projeto nas escolas dos distritos de Bom Jesus do Itabapoana e, em programas da emissora de rádio local.