CAMPUS CAMPOS CENTRO

Você está aqui: Página Inicial > Nossos campi > Campos Centro > Notícias > Comissão Eleitoral dá posse à diretoria do Grêmio Estudantil Nilo Peçanha

Notícias

Comissão Eleitoral dá posse à diretoria do Grêmio Estudantil Nilo Peçanha

Eleição

Com 396 de um total de 471 votos, a chapa UNIIFF venceu as eleições do Grêmio.
por Comunicação Social do Campus Campos Centro publicado 30/07/2019 19h13, última modificação 31/07/2019 13h47
Exibir carrossel de imagens A nova diretoria do Grêmio Estudantil Nilo Peçanha toma posse. (Foto: Rakenny Braga)

A nova diretoria do Grêmio Estudantil Nilo Peçanha toma posse. (Foto: Rakenny Braga)

A posse ocorreu no gabinete da Direção do Campus, onde o diretor de Extensão, Pesquisa e Pós-Graduação do campus, Jonivan Coutinho Lisboa, substituiu o diretor Carlos Alberto, na cerimônia. 

A formalidade de posse foi conduzida por Mateus Carvalho de Paulo, 3º ano do curso técnico de Mecânica integrado, representante da comissão eleitoral. Após a leitura do termo de posse, foi feita a assinatura do documento junto com o presidente do Grêmio, Ruan da Conceição Gomes. 

A nova gestão deverá cumprir um mandato de dois anos, segundo o regimento interno do Grêmio. Com 13 integrantes, a atual gestão divide seus membros em seis diretorias: Política e Desenvolvimento Social, Comunicação, Educação e Tecnologia, Arte e Cultura, Esportes, Saúde e Meio Ambiente. 

A apuração dos votos ocorreu no mesmo dia da eleição, sexta-feira, 26, às 20h. A velocidade da apuração se deu graças ao novo sistema de votação implantado esse ano, com uso de urna eletrônica. O quantitativo de votantes também surpreendeu os estudantes. "A gente ficou bastante surpreso, a gente achou que teria mais ou menos cem ou cento e cinquenta votantes chegamos a quase quinhentos, visto que na última eleição foram só duas pessoas", disse o presidente do grêmio. 

O presidente conta que pretende fazer um trabalho diferente das antigas gestões. 

"A gente pretende promover a visibilidade, deixar um legado do papel e da importância do grêmio aqui dentro. E queremos deixar um legado de reestruturação do grêmio estudantil, ou seja, que os estudantes estejam mais a fundo do movimento estudantil secundarista, tanto aqui dentro quanto lá fora queremos passar seriedade para os alunos com relação ao grêmio estudantil, coisa que foi perdida com o passar do tempo."