CAMPUS CAMPOS GUARUS

Você está aqui: Página Inicial > Nossos campi > Campos Guarus > Notícias > Cursos do EJA FIC atendem alunos da Rede Municipal

Notícias

Cursos do EJA FIC atendem alunos da Rede Municipal

Ensino

Ações de aproximação das Escolas Municipais com o Campus Campos Guarus já vêm acontecendo há algum tempo, com visitas guiadas dos alunos da Rede Municipal ao Campus.
por Comunicação Social da Reitoria publicado 26/06/2018 14h15, última modificação 10/07/2018 13h14
Alunos do Curso de Operador de Computadores

Alunos do Curso de Operador de Computadores

 O IFFluminense Campus Campos Guarus, em parceria com a Prefeitura Municipal de Campos dos Goytacazes, vem desenvolvendo ações de aproximação com a comunidade local, com o objetivo principal de aprimorar suas políticas de acesso.

 Nesse contexto, estão sendo ofertados no campus os Cursos Profissionalizantes de Formação Inicial e Continuada (FIC) de Balconista de Farmácia e Operador de Computadores, para os estudantes da Educação de Jovens e Adultos diurna, do Ensino Fundamental. A ofertas dos cursos materializa uma das ações previstas no Plano Municipal de Educação.

 Para a pedagoga da Pró-reitoria de Ensino (Proen) do IFF, Heise Aires Arêas, essa "é uma ação que atende diretamente à perspectiva de inclusão eleita pela Pró-reitoria como a maior referência para este ciclo de gestão e encontra nesta aproximação com o município uma estratégia clara de busca ativa da população".

 Heise destaca que “a ideia é de que a qualificação profissional em si, já seja uma ação objetiva de nossa missão em Educação Profissional e, ainda, promova a abertura de portas do Instituto para um público que antes não se aproximava, por meio de uma proposta específica, com organização curricular e metodologia próprias, numa perspectiva da oferta de cursos que considera a trajetória dos estudantes na estruturação do itinerário formativo oferecido pela instituição, em particular, estudantes da EJA”.

 O professor e coordenador do Curso Técnico em Eletrônica, Tiago Tadeu Ribeiro Sousa, que ministra aulas no Curso de Operador de Computadores, afirma que o trabalho desenvolvido com a EJA FIC é gratificante. "Perceber no olhar e nas conversas com os alunos, como esta oportunidade tem sido valiosa e única na vida deles, estar em contato e apresentá-los um novo horizonte em suas vidas, permite que percebamos o quanto essa instituição é importante para eles".  

 Tiago acrescenta que "como professor é muito gratificante poder mais uma vez participar dos momentos de transformação de vidas, da criação de novas expectativas, e poder mais uma vez não só ensinar, mas também aprender muito com cada um desses alunos. Esta é uma ação que reforça a nossa missão, oportunizando que de fato esta escola seja de todos", destaca. 

 O aluno do EJA e do curso profissionalizante em Operador de Computadores, Adriano Coelho da Silva, conta que visitou o IFF pela primeira vez em 2017, por meio de um projeto de sua escola. “Depois, passei por um processo seletivo, fui chamado para fazer o curso e fiquei muito feliz, pois os professores são ótimos e o curso está bem interessante”, afirma o estudante.