CAMPUS BOM JESUS DO ITABAPOANA

Você está aqui: Página Inicial > Nossos campi > Bom Jesus do Itabapoana > Notícias > IFF participa de identificação de árvores do Parque Natural Municipal Sabiá-Laranjeira de Rosal

Notícias

IFF participa de identificação de árvores do Parque Natural Municipal Sabiá-Laranjeira de Rosal

Preservação Ambiental

Projeto do Campus Bom Jesus integra o estudo, coordenado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente, Agricultura e Recursos Hídricos de Bom Jesus do Itabapoana.
por Comunicação Social do Campus Bom Jesus do Itabapoana publicado 24/12/2021 11h38, última modificação 24/12/2021 11h58
Foto: PMBJI

Um dos projetos Jovens Talentos do Instituto Federal Fluminense Campus Bom Jesus do Itabapoana está participando de uma pesquisa científica no Parque Natural Municipal Sabiá-Laranjeira, localizado em Rosal, distrito de Bom Jesus do Itabapoana (RJ). O objetivo é conhecer a formação florestal do parque por meio da identificação das espécies arbóreas que compõem a Unidade de Conservação Ambiental.

Intitulado “Avaliação do estoque da serrapilheira em áreas sob fragmentos florestais do Parque Natural Municipal Sabiá Laranjeira De Rosal-RJ”, o projeto do IFF Bom Jesus é coordenado pelo professor Carlos Freitas, do Curso Técnico em Meio Ambiente, e conta com o apoio das bolsistas Jamily Queiroz de Castro Lopes e Maria de Fátima Viana Degli Esposti. “Vamos verificar o comportamento da floresta daquele local, pois como era uma fazenda e atualmente virou uma área de conservação, praticamente toda a área está em regeneração. Isso serve como um exemplo de estudo de recuperação de áreas degradadas”, explica Carlos.

Amostras de folhas, flores e frutos têm sido coletadas no local e a equipe busca registrar informações como altura, medida da circunferência do caule e extensão da copa das árvores. O material coletado é recebido e analisado pela equipe do herbário da Universidade Estadual do Norte Fluminense (UENF) e fará parte da coleção botânica da Universidade.

O herbário UENF (HUENF) é uma coleção de plantas secas devidamente prensadas, catalogadas e identificadas com informações das plantas e do local onde foram coletadas, acompanhadas com informações adicionais sobre a evolução do habitat, do clima, da vegetação, entre outros. Esse acervo serve de fonte de dados para a pesquisa e o estudo da diversidade ecológica do Norte e Noroeste Fluminense.

O estudo no parque é coordenado pela engenheira agrônoma da Prefeitura de Bom Jesus, Alessandra Machado, e conta com o apoio de profissionais do IFF, UENF e Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ). Além de contribuir para a preservação do ecossistema, o registro da flora do Parque Natural Municipal Sabiá-Laranjeira atende a objetivos do Plano Municipal de Conservação e Recuperação da Mata Atlântica.

(Com informações da Prefeitura Municipal de Bom Jesus do Itabapoana)