CAMPUS CAMPOS CENTRO

Você está aqui: Página Inicial > Nossos campi > Campos Centro > Notícias > Setores acadêmicos e administrativos ganham placas de identificação com texto e Braille

Notícias

Setores acadêmicos e administrativos ganham placas de identificação com texto e Braille

Comunicação Visual

Os trabalhos preveem instalação de mapas táteis para orientar deficientes visuais e sinalização em escadas.
por Comunicação Social do Campus Campos Centro publicado 18/03/2019 17h04, última modificação 20/03/2019 10h52
Exibir carrossel de imagens Porta da Diretoria de Gestão de Pessoas com novo padrão visual e acessibilidade (Foto: Raphaella Cordeiro)

Porta da Diretoria de Gestão de Pessoas com novo padrão visual e acessibilidade (Foto: Raphaella Cordeiro)

O objetivo inicial do serviço contratado pelo campus era promover a identificação visual de salas, laboratórios, mini auditórios, corredores e escadas, entre outros setores do Bloco G, o prédio mais novo do Campos Centro. Mas, os recursos foram administrados de forma a atender à demanda amplamente, com a afixação de placas de identificação em portas também do setor administrativo. 

As portas em blindex receberam adesivos com as cores no padrão verde do instituto, realçando sua identificação. De acordo com a coordenadora da infraestrutura e manutenção, Cláudia Amaral, a primeira etapa do trabalho foi realizada. No caso do Bloco G, como a ocupação dos espaços está em andamento, as placas direcionais ainda não foram instaladas. No prédio foram colocadas placas fotoluminescentes, usadas para guiar as pessoas na rota de fuga, em caso de algum sinistro. 

A empresa prestadora do serviço não recebeu alguns insumos, em falta no mercado, e por isso ainda fará entrega de mais um lote de material. Faz parte das placas de orientação ao público: as de acessibilidade, com texto em Braille, e oito mapas táteis, também em Braille, de maneira a facilitar a condução de estudantes e servidores cegos. Para a coordenadora do Núcleo de Apoio aos Portadores de Necessidades Educacionais Especiais (Napnee), Sirley Brandão, as placas em Braille "são necessárias e representam a inclusão" buscada no Campus Campos Centro. 

O diretor geral do campus, Carlos Alberto Henriques, disse que também haverá a ampliação de piso tátil.  Atualmente há vários corredores de acesso que dispõem do material usado por estudantes, servidores e visitantes cegos.